Rexam/Cabo inicia exportações para a Europa


il_products_can.gifA Suécia é o primeiro destino das exportações de tampas de alumínio da Rexam para o mercado europeu, a partir do Porto de Suape. Até setembro deste ano, a empresa vai embarcar 120 milhões de tampas para o país. A previsão ao longo de 2007 é que as vendas externas para a Europa alcancem 400 milhões de unidades e consolide Suape como plataforma de exportação da companhia no Brasil.

O diretor de Desenvolvimento Organizacional da Rexam, José Roberto Baeninger, diz que a negócio com a Suécia foi possível porque a companhia recebeu, no mês passado, certificação internacional da Carlsberg – que a torna fornecedora “world class” (de classe global). Essa certificação é uma exigência do mercado europeu.

As exportações para a Europa serão realizadas a partir da unidade da Rexam localizada no Cabo de Santo Agostinho (PE). A fábrica tem capacidade para produzir 8 bilhões de tampas de alumínio, utilizadas pelas indústrias de bebidas. Com a entrada no mercado europeu, a companhia dobra as vendas no mercado internacional a partir do Brasil, atingindo 2 bilhões de tampas.

“Para 2008, nossa estimativa é que só a Europa seja responsável por importações da ordem de 2 bilhões de tampas. Hoje também embarcamos nossas tampas para a América do Sul, principalmente para a Argentina e Chile, totalizando um volume de 1 bilhão de unidades”, destaca Baeninger.

A expansão das vendas externas está ancorada no aumento da capacidade de produção da empresa, que investiu R$ 66 milhões na implantação de uma fábrica de tampas em Manaus. Com uma elevação da capacidade em 4 bilhões de tampas por ano, a unidade de Pernambuco pode ter a produção orientada para o mercado internacional.

About these ads

Sobre Da Redação do TP

Contatos com a Redação: (81) 3518-1755 ou jornalismo@jornaltribunapopular.com
Esse post foi publicado em Últimas Notícias. Bookmark o link permanente.