CUT-PE lança campanha pela redução da jornada de trabalho nesta quinta-feira


Da Redação do TP

A Central Única dos Trabalhadores – CUT-PE – lança nesta quinta-feira (28) a Campanha pela Redução da jornada de trabalho para 40h semanais. Os manifestantes reúnem-se entre 6 e sete horas da manha, em frente a fábrica metalúrgica Máquinas Piratininga, localizada no bairro de Porta Larga, em Jaboatão dos Guararapes.

De acordo com o presidente da CUT-PE, Sérgio Goiana, as entidades sindicais estão mobilizando toda a sociedade para uma campanha de coletas de assinaturas em defesa da redução da jornada de trabalho sem redução do salário. Pelos cálculos do Dieese, a redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais teria o impacto potencial de gerar em torno de 2.252.600 novos postos de trabalho no país.

“A idéia de que o emprego existe e o que falta é a qualificação profissional do trabalhador é apenas uma desculpa do sistema econômico vigente, para atribuir a desqualificação da mão-de-obra como fator determinante para não avançamos no mercado formal” destacou Goiana.

Ele reforçou a idéia de que a redução da jornada de trabalho é uma das possibilidades de ampliação da oferta de empregos formais no Brasil. “Primeiro, é lembrar que terminamos o ano de 2007, em Recife, com uma proporção de assalariados que trabalham acima de 44 horas semanais no nível de 48,4%, segundo dados do Dieese. Por isso, o objetivo da CUT em nível nacional é de coletar mais de um milhão de assinaturas” assinalou.

Os sindicalistas pretendem entregar essas assinaturas ao Congresso Nacional.

Anúncios

Sobre Da Redação do TP

Contatos com a Redação: (81) 3518-1755 ou jornalismo@jornaltribunapopular.com
Esse post foi publicado em Seus Direitos, Sindicalismo. Bookmark o link permanente.