Ipojuca terá distrito para empresas com foco em Suape


Investimento total é estimado em cerca de R$ 20 milhões. Prefeitura já gastou R$ 1,3 milhão na desapropriação do terreno, em Camela

Micheline Batista – michelinebatista.pe@dabr.com.br
Diario de Pernambuco

Cada vez mais, a expansão do Complexo Industrial Portuário de Suape exige a disponibilização de novas áreas para instalação de empresas nos municípios do seu entorno. Ipojuca sai na frente ao projetar o Distrito de Camela, um condomínio com 120 hectares às margens da PE-60 que deve começar a funcionar ainda no primeiro semestre de 2011. A prefeitura gastou R$ 1,3 milhão na desapropriação do terreno e está investindo mais R$ 650 mil na elaboração dos projetos de engenharia.

Expansão do complexo exige a disponibilização de novas áreas no entorno. Foto: Prefeitura de Ipojuca/Divulgação
O novo distrito será voltado a pequenas e médias empresas que atuem de forma integrada às cadeias produtivas de metal-mecânica, naval e petroquímica de Suape. “Não vamos restringir, mas o ideal é que elas estejam dentro do contexto de Suape para não corrermos o risco de sofrer um esvaziamento no futuro”, afirma o presidente da Agência de Desenvolvimento Econômico de Ipojuca (AD Ipojuca), Luiz Carlos Matos. (Íntegra da matéria

Anúncios

Sobre Da Redação do TP

Contatos com a Redação: (81) 3518-1755 ou jornalismo@jornaltribunapopular.com
Esse post foi publicado em Últimas Notícias. Bookmark o link permanente.