Jovens lotam Câmara de Vereadores no Sexta de Letras


Imortais Douglas Menezes e João Sávio (dir) diante de grande plateia formada de jovens na estreia de Sexta das Letras

Jairo Lima
Colaboração para o Tribuna Popular

Longe das melodias recheadas de erotismo e do bate-estaca ensurdecedor das pistas de dança de uma sexta-feira à noite, uma juventude ávida por discutir literatura compareceu a abertura do Projeto Sexta de Letras da Academia Cabense de Letras (ACL), que teve início nesta sexta-feira, 6, na Câmara de Vereadores do Cabo.

Iniciado com um pequeno atraso, por conta da falta de funcionários da Câmara Municipal, que entre alguns transtornos, deixou o ambiente sem o ar-condicionado funcionando, a palestra do presidente da ACL, Nelino Azevedo, empolgou a todos. O tema foi uma abordagem sobre a obra do educador Paulo Freire. Após a explanação inicial, foi aberto o debate com os acadêmicos e logo em seguida os jovens fizeram suas perguntas.

Compareceram ao evento, alunos das escolas Cláudio Gueiros Leite e Madre Iva, além de universitários.

Anúncios

Sobre Da Redação do TP

Contatos com a Redação: (81) 3518-1755 ou jornalismo@jornaltribunapopular.com
Esse post foi publicado em Últimas Notícias. Bookmark o link permanente.