Recife vai construir 20 Centros de Educação Infantil


As novas unidades ampliarão em 3.500 vagas a rede de ensino municipal que atende a crianças de zero a cinco anos.

Secom/Recife

O prefeito João da Costa anunciou nesta segunda-feira (9), durante entrevista coletiva, a construção dos 20 Centros de Educação Infantil do Programa Municipal Primeira Escola que serão implantados em diversas comunidades da Cidade. Cada centro receberá investimento na ordem de R$ 1 milhão e contemplará 175 crianças. Com isso, os espaços de atendimento à educação infantil sobem de 64 para 84 unidades. Esta é a primeira etapa do programa que irá erguer 40 unidades ao todo até o final da gestão.

No próximo dia 16, será lançado edital de licitação para implantar os três primeiros centros que contemplarão as comunidades de Pantanal, Coqueiral e UR 5 (Ibura). A expectativa da PCR é a cada mês lançar uma licitação com três ou quatro unidades. Assim, os primeiros Centros de Educação Infantil podem iniciar o funcionamento a partir de fevereiro de 2011.

Durante o anúncio, feito no Centro de Formação de Educadores Professor Paulo Freire, o prefeito falou sobre a importância da iniciativa. “É necessário que nossas crianças estejam preparadas para se inserir na sociedade. Isso as tornará competentes para desempenhar suas funções no futuro. O Programa Primeira Escola vai estruturar ainda mais a educação infantil, já que esses alunos ficarão nos centros em horário integral (das 7h às 17h). Além disso, as unidades funcionarão para dar maior assistência às comunidades mais humildes da Cidade e permitirá que as mães possam trabalhar, diariamente, na certeza de que seus filhos estão aprendendo e sendo cuidados por profissionais qualificados”, argumentou João da Costa.

O prefeito disse ainda que metade das mães do Recife são chefes de família e, assim, assumem todas as responsabilidades do lar, da educação dos filhos e ainda têm que trabalhar fora para conseguir renda. “O programa vai cuidar das crianças e de suas mães. Desta forma, essas mulheres poderão ter acesso ao mercado de trabalho e estudar para ficarem cada vez mais independentes”, declarou.

Ainda de acordo com João da Costa, a construção dos centros só será possível por conta das parcerias firmadas com o Governo Federal e Estadual, universidades Federal e Federal Rural de Pernambuco e com o Rotary Recife. “Esta é uma das prioridades da gestão e que foi pensada desde o início. Passamos um ano preparando os projetos, em busca de recursos e desapropriando terrenos. Agora, nossa expectativa é de que todos os centros estejam em funcionamento em um ano e meio”, disse.

Segundo o secretário de Educação Esporte e Lazer do Recife, Cláudio Duarte, os recursos já estão garantidos. “A parte física das unidades levam uma média de seis meses para ficar pronta. Os critérios para a escolha da construção dos três primeiros centros foram com base nas reuniões organizadas com representantes do Orçamento Participativo, que apontaram as comunidades que precisavam dos centros com maior urgência”, explicou.

Para a representante das mães dos alunos que serão atendidos pelos centros, Etiene Pacheco, a iniciativa vai ajudar no apoio às mães que precisam sair para trabalhar e não têm com quem deixar seus filhos. “Quero agradecer ao prefeito João da Costa por acolher as crianças mais carentes do Recife. É muito importante para a gente ter um lugar para abrigar nossos filhos com pessoas de bom caráter e que são extremamente profissionais. Além disso, eles (filhos) vão sair mais preparados para estudar a alfabetização”, afirmou.

A implantação dos primeiros 20 centros abrirá 3.500 novas vagas na rede de ensino do Recife, para crianças entre zero e cinco anos. As novas escolas vão dispor de ambientes de uso pedagógico, administrativo, recreativo e de alimentação. Em cada unidade, haverá um berçário, cinco salas de aula, um lactário, solário, parque infantil, sala de Multimídia, sala de leitura, sanitários, refeitório, lavanderia, sala de direção e coordenação pedagógica. Além disso, a estrutura vai priorizar a acessibilidade, a fim de permitir o uso do espaço por pessoas com deficiência.

Diferente das creches tradicionais, a nova escola também deve oferecer aos pequenos alunos atividades pedagógicas que possam prepará-los para os desafios da alfabetização, durante o 1º ano do ensino fundamental, aos seis anos de idade.

Programa – Lançado em março de 2009, o Programa Primeira Escola é uma das ações prioritárias do governo João da Costa e tem como objetivo promover a expansão e melhoria da educação infantil (de zero a cinco anos). Para isso, serão construídos, ao todo, 40 Centros de Educação Infantil, que oferecerão 7.000 novas vagas na rede de ensino municipal. Assim, o número de alunos atendidos passaria dos atuais 16.451 para 23.451.

Confira as comunidades contempladas com Centros de Educação Infantil:

1 – BOLA NA REDE – Estrada da Mumbeca, Propriedade Berenguer, nº100, Chácara 10 de Junho, Guabiraba.
2 – SÍTIO DOS MACACOS – Estrada do FOP, Sítio dos Macacos/Guabiraba.
3 – SITIO DO BERARDO – CAXANGÁ – Av. Caxangá, nº 653 – Zumbi (Antiga Fábrica de Estopa).
4 – IBURA DE BAIXO – Av. Dois Rios / Rua Rio Moxotó – Ibura de Baixo
5 – SITIO DOS PINTOS – UFRPE – Av. Dom Manoel de Medeiros, s/n – Dois Irmãos – Campus da UFRPE (Zona II).
6 – IRAQUE – Rua Havaí – Iraque/Estância (próximo à Av. Recife).
7 – PANTANAL – Rua Presidente Médice com a Vidal de Negreiros, s/n, Barro.
8 – RODA DE FOGO – Rua Pintor Hélio Feijó, s/n – Torrões.
9 – CONJUNTO 8 DE MARÇO – Rua Rio Pajeú, s/n – Conjunto 8 de março/Ibura de Baixo (terreno ao lado da igreja).
10 – COQUEIRAL – IMBIRIBEIRA – Rua Estela Borges e Rua Antônio Paes Barreto, Coqueiral/Imbiribeira.
11 – UR 5 – IBURA – Rua Vale do Cariri, UR 05, Ibura.
12 – ARRUDA – Rua Zeferino Agra.
13 – NOVA DESCOBERTA – Av. Vereador Otacílio de Azevedo, nº 1.030, Nova Descoberta.
14 – PILAR – Cais do Apolo, Bairro do Recife.
15 – MUSTARDINHA – Av. Manoel Gonçalves da Luz, 680, Mustardinha.
16 – VILA DAS LAVADEIRAS – Praça João Alfredo Pinto, s/n. Vila das Lavadeiras/Areias (antigo CSU).
17 – NOVO DETRAN – Rua Aristônico de Oliveira, 189, Novo Detran/Iputinga.
18 – VILA FELICIDADE – Rua Aristacho Dourado de Azevedo, Vila Felicidade/Caxangá.
19 – VILA TAMANDARÉ – Rua Parente Viana, Vila Tamandaré/Areias.
20 – TRÊS CARNEIROS – Av. Campo Verde.

Anúncios

Sobre Da Redação do TP

Contatos com a Redação: (81) 3518-1755 ou jornalismo@jornaltribunapopular.com
Esse post foi publicado em Administração Pública, Educação, Recife. Bookmark o link permanente.