TRE-SP veta 39 “fichas-sujas”; com cinco barrados, PP é o mais afetado


Agência folha
DE SÃO PAULO

O TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de São Paulo indeferiu a candidatura de 39 políticos considerados “fichas-sujas”. A Corte encerrou ontem os julgamentos de pedidos de inscrição eleitoral.

Os barrados podem recorrer ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e continuar com a campanha.

Na sessão, o tribunal considerou “ficha-suja” o candidato a vice-governador pelo PSOL, Aldo Josias dos Santos, que já foi condenado por improbidade administrativa.

Além de Santos, 24 postulantes a deputado estadual e 14 candidatos a deputado federal foram barrados. O PP foi o partido com mais enquadrados, com cinco barrados –entre eles estão dois “puxadores de votos” da legenda, Paulo Maluf e Beto Mansur.

Na lista de indeferimentos, o PT tem quatro nomes, seguido por PMDB, PPS e PSOL, cada um com três. Tiveram dois barrados: PSDB, PTB, PR, DEM, PSB, PDT, PSC e PSL.

Anúncios

Sobre Da Redação do TP

Contatos com a Redação: (81) 3518-1755 ou jornalismo@jornaltribunapopular.com
Esse post foi publicado em Eleições 2010, Judiciário, Política. Bookmark o link permanente.