Mutirão oftalmológico vai atender 200 alunos de quatro escolas do Recife


As ações já envolveram 53 escolas com a triagem de 14.949 estudantes.

DA REDAÇÃO DO TP

Alunos da Escola Municipal Professora Almerinda Umbelino de Barros, no Vasco da Gama, Recife, tem a oportunidade nesta segunda-feira (30), de constatar se estão com problemas de visão que possam prejudicar o bom desempenho escolar, como miopia, astigmatismo, hipermetropia, entre outros.

É que a Prefeitura estará promovendo 11º mutirão oftalmológico do Projeto Olhar Recife, dentro das ações do programa municipal Saúde na Escola. A iniciativa é das secretarias municipais de Saúde e Educação, Esporte e Lazer, em parceria com a Fundação Altino Ventura (FAV).

A ação vai beneficiar alunos de outras escolas da rede municipal do bairro como Boa Esperança, Professor Aderbal Galvão e Santa Maria Goretti. A expectativa é de que possam ser atendidas cerca de 200 alunos com idade entre seis e 16 anos.

Passarão pelos exames cerca de 100 estudantes, pela manhã, e o restante à tarde. As consultas serão realizadas por oftalmologistas da FAV, com apoio de voluntários. Já o fornecimento gratuito de óculos, quando prescritos, será feito pela Secretaria de Saúde do Recife.

CASOS MAIS GRAVES
– A gerente de Serviços da Diretoria de Ações Educacionais Complementares (DAEC), Elusa Barros, explica que os alunos que apresentarem distúrbios mais graves, como pressão ocular e estrabismo, serão encaminhados para tratamento específico na sede da Fundação, no bairro da Boa Vista. “Para identificar os pacientes que passarão pelos exames, os professores e professoras foram treinados para realizar uma triagem inicial em cada escola envolvida”, ressalta Elusa.

Os mutirões oftalmológicos do Projeto Olhar Recife tiveram início no dia 17 de março e vão prosseguir, sempre às segundas-feiras, numa escola-polo diferente, atendendo, em média, de 200 a 250 alunos de quatro a seis unidades de ensino.

Até o momento as ações envolveram 53 escolas, com a triagem de 14.949 estudantes. Desse total, 1.377 foram examinados nos 10 mutirões já realizados, com a prescrição de 372 óculos e 175 encaminhamentos para tratamentos específicos. No dia 16 de agosto, a Prefeitura do Recife promoveu a entrega dos 132 primeiros óculos.

A previsão da PCR é promover, até o final do ano, 27.585 triagens e 8.275 exames oftalmológicos, envolvendo alunos de 72 escolas municipais. A estimativa é que sejam distribuídos, no mesmo período, cerca de 500 óculos de grau entre as crianças e jovens participantes.

Anúncios

Sobre Da Redação do TP

Contatos com a Redação: (81) 3518-1755 ou jornalismo@jornaltribunapopular.com
Esse post foi publicado em Ação Social, Administração Pública, Cidadania, Educação, Recife, Saúde. Bookmark o link permanente.