China prevê multa de R$ 12 para quem fumar em locais públicos


Medida valerá durante os Jogos Asiáticos, que serão realizados em Guangzhou, em novembro

Reuters

PEQUIM – A política mais dura já feita pelo governo chinês para proibir o fumo em locais públicos prevê uma multa de 50 iuanes (R$ 12,6) durante a décima edição dos Jogos Asiáticos, que serão promovidos na cidade de Guangzhou e outras três subsedes em novembro, segundo informou a agência de notícias oficial Xinhua nesta quarta-feira, 8.

As pessoas que forem encontradas fumando em escritórios, salas de conferências, elevadores e outros ambientes de uso comum serão multadas, e “as empresas que não cumprirem suas obrigações” serão penalizadas em até 30.000 iuanes (R$ 7.595), de acordo com a agência estatal.

Guangzhou é uma das cidades mais ricas da China, com um PIB per capita superior a R$ 17.200. A aplicação da multa individual de 50 iuanes provavelmente não terá muito impacto sobre os moradores, a não ser que haja fiscalização massiva nas ruas. Segundo a agência Xinhua, o valor das multas poderá ser elevado no futuro.

Fumar é um passatempo nacional na China – o vício abrange mais da metade dos homens. Um milhão de pessoas morrem anualmente no país por doenças relacionadas ao cigarro, apesar de o Ministério da Saúde local só ter proibido o fumo em hospitais em maio deste ano. Sinais de “Não fume” são rotineiramente ignoradas em todo o território chinês.

Diminuir o número de fumantes poderia reduzir os custos de saúde relacionados ao tabagismo, mas também atingiria as receitas do governo, visto que a indústria do tabaco é responsável por cerca de um décimo da receita fiscal da China.



Anúncios

Sobre Da Redação do TP

Contatos com a Redação: (81) 3518-1755 ou jornalismo@jornaltribunapopular.com
Esse post foi publicado em comportamento, Saúde. Bookmark o link permanente.